Alisamento x Progressiva

Diante de tantos produtos, tantas marcas, tantas técnicas diferentes, você pode até ficar na dúvida de qual escolher quando for transformar seus cabelos, mas não pode deixar de ter atenção redobrada na hora de combinar os dois produtos, saiba porque!

Em primeiro lugar, você precisa saber qual resultado pretende para seus cabelos, pois há opções de alisamentos definitivos e temporários.

Outra opção é um caimento mais natural ou também chapado. Em seguida, você precisa saber e conhecer a maneira como o procedimento irá alterar a forma da fibra capilar para atingir o resultado desejado, transformando os fios cacheados em lisos e vice-versa.

O principal ponto: Busque sempre orientação de um profissional da beleza qualificado, identificando assim se as químicas são compatíveis.

Diferença entre Alisamento e Progressiva

Alisamento proporciona um Resultado Definitivo

O Hidróxido de Guanidina, componente usado em transformações definitivas, devido ao seu PH Alcalino é a substância que provoca a abertura das cutículas dos fios. Esse procedimento serve para intensificar a penetração do produto.

A guanidina quebra as pontes dissulfeto da queratina, em um processo denominado lantionização, que é a substituição de um terço dos aminoácidos de cistina por lantionina. As pontes dissulfeto são responsáveis pela formatação dos fios e unem as proteínas encontradas no interior dos fios. Devido a quebra das pontes dissulfeto, há o relaxamento dos fios.

Após esse relaxamento dos fios, o profissional consegue o resultado e alisamento desejado para o cabelo. Por este motivo, a quantidade e concentração do produto devem ser controladas corretamente, caso contrário haverá riscos de quebra dos fios.

Progressiva Permite Fios Lisos Temporariamente

A aplicação feita com produtos à base de Proteínas em PH Ácido, como a queratina, forma uma camada externa nos fios, evitando contato e não altera a estrutura dos mesmos. Por formar uma camada externa, ele não atinge o córtex, sua ação se dá apenas na cutícula e não existe penetração. Diferentemente da Guanidina, a escova de proteínas apenas alinha os fios quando é formada uma nova camada de queratina em torno deles, forçando o formato liso e "camuflando" o formato enrolado. Geralmente os procedimentos da progressiva podem durar até quatro meses, mas pode variar para cada pessoa. Utilizar shampoos antirresíduos e lavar frequentemente podem acelerar esse processo.

Independente de qual procedimento você irá escolher, sempre recomendamos que seja feito por um profissional de sua confiança e realize sempre o teste de mechar, evitando assim resultados indesejáveis para seus cabelos, afinal, o que mais queremos é que ele fique lindo e perfeito!

Agora que você já sabe a diferença entre Alisamento e Progressiva, aproveite e confira nossos produtos

Segurança
Formas de Pagamento
INSTAGRAM
Copyright® 2016 - Todos os Direitos Reservados - Endereço Loja Física: Rua Ceará, 283 - Vila São Cristovam. CEP 13480565. Limeira-SP . CNPJ: 05.755.052/0001-91